fbpx
Aceitação Tens facilidade em aceitar os imprevistos do dia a dia

Aceitação: Tens facilidade em aceitar os imprevistos do dia-a-dia?

Ao enfrentares um imprevisto, qual é a tua reação? Encaras como um desafio ou sentes-te paralisada? Geralmente, pessoas muito controladoras reagem com dificuldade nestas situações, por isso é importante trabalhar o processo de aceitação.

Hoje vou explicar um pouco mais sobre este assunto. Vou também referir a importância de saberes superar os obstáculos com uma atitude positiva e como podes trabalhar esta habilidade na tua rotina.

Aceitação: Porque é uma habilidade que favorece o crescimento pessoal?

Ao longo da vida vais deparar-te com acontecimentos que nem sempre serão o que tinhas desejado. É completamente inevitável.

Nestas situações, a única saída para que o teu bem-estar não seja prejudicado é instaurares a aceitação. Aceitar o que não podes mudar é importantíssimo, pois só assim serás capaz de seguir em frente e mudar o que não te agrada.

Quem nunca desejou que a realidade fosse outra? Perante qualquer situação que crie mal-estar, reflete se é possível fazeres alguma coisa para solucioná-la.

Se sim, cria um plano de ação para melhorares a tua vida. Se perceberes que não há nada que possa ser feito, deves aceitar a realidade para poderes seguir em frente. Caso contrário, irás sofrer mais do que o necessário.

Lutar contra uma realidade impossível de ser transformada será um desgaste de energia inútil e prejudicial. Só se aceitares é que será possível seguires em frente.

Aceitação vs. Resignação

Ao contrário do que podes estar a pensar, a aceitação não é sinónimo de resignação. Ou seja, aceitar não significa entrar num estado de passividade ou de inação.

Na verdade, tem como base a tolerância diante uma situação. É a compreensão de que imprevistos fazem parte da vida e nem tudo é bom, mas com uma inclinação para agir.

É possível conviveres com uma circunstância que não te agrada. É possível conseguires centralizar o interesse e o foco de atenção para outras áreas, tentando abrir novas portas.

Aceitar é abandonar a luta contra algo que não possui solução e procurar outros caminhos que permitam viver da maneira que sempre desejaste.

Se trabalhares pensamentos como “Isto é o que há e não posso fazer nada”, podes continuar com a tua vida. E vais focar-te em alcançar os teus objetivos através de outros caminhos.

Por isso, é um conceito importante e inclusive conhecido como a “primeira lei do crescimento pessoal”. É simplesmente ver as coisas da maneira como elas são.

Os 4 passos para trabalhares a aceitação

Se tens dificuldade em aceitar os imprevistos do dia-a-dia, deves implementar este conceito na tua vida, enfrentar os obstáculos e superá-los, sem grandes esforços. Para isso, é importante conheceres estes 4 passos valiosos.

a) Reflete sobre o problema e os teus objetivos: Compreende com clareza como o imprevisto está a impactar negativamente as tuas metas. Só é possível superares uma dificuldade quando sabes exatamente onde está o ponto de desvio.

b) Sê racional: É preciso reconheceres se o teu objetivo é realista e alcançável, especialmente diante de um imprevisto. Ao te deparares com situações que não podes mudar ou controlar, é fundamental saberes aceitar.

c) Aproveita as oportunidades: Um imprevisto pode abrir-te novos caminhos e novas possibilidades, mas precisas de estar aberta para identificá-los e considerá-los.

d) Escolhe o melhor para ti: Livra-te do peso que é tomar uma decisão em função do que esperam de ti. Segue o teu próprio instinto e a tua vontade.

Repensares a tua postura diante dos imprevistos da vida não deixa de ser uma forma de aumentares o teu autoconhecimento, trabalhares a tua flexibilidade e resiliência.

Aceitação é sinónimo de sabedoria. Trabalha esta habilidade e tem uma vida mais leve!

Partilhe este post